quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Dublador do novo filme de 007 diz que quem defende legenda é pseudo-intelectual


Como se não bastasse a triste tendência cada vez maior de alguns canais de tv a cabo em limitar o acesso às produções legendadas, a distribuidora Columbia Pictures resolveu pela primeira vez lançar um filme de James Bond com cópias dubladas nos cinemas do país. O Terra conversou com os dubladores de 007 - Quantum of Solace (que estréia nessa 6ª feira dia 7 de novembro) e Manoel Garcia Jr., que é o responsável pela dublagem de James Bond, disparou a seguinte pérola:

"O público médio e honesto não tem vergonha de dizer que gosta de dublagem. Os que defendem a legenda acima de tudo são os pseudo-intelectuais. Num filme como esse, você quase não consegue assistir porque enquanto a ação rola, as pessoas estão lendo as legendas."

Leia mais...

    Que a visão deste senhor é limitadíssima não preciso nem comentar, mas quando sua colega Silvia Goiabeira (que dubla a Bond Girl da vez) fala sobre as dificuldades do trabalho afirmando que eles tinham que ser fiéis, pois aquilo é um produto pronto, uma obra que não podia ser mexida, fica no ar o argumento perfeito para quem gosta e prefere as legendas e detesta o que a maioria das dublagens faz: alterar algo que foi dito ou mostrado, suavizando e conseqüentemente descaracterizando a obra.

    E não pára por aí. Em outro trecho da matéria, o dublador admite que, por uma questão de "bom senso", muitos xingamentos e outros palavreados são suavizados na versão dublada, o que não acontece na versão original,  contrariando exatamente o que Goiabeira havia dito.

    "Eu acho que quando o filme vai para o cinema, podemos fazer a dublagem sem cortes. Mas é difícil pensar que quando ele chega numa TV aberta, qualquer pessoa pode zapear o controle remoto e se deparar com uma palavra de baixo calão. Eu fico pensando numa senhorinha que está na frente da televisão e de repente se depara com uma coisa dessas. É tenso".

    E depois ainda perguntam porque prefiro as legendas...

15 comentários:

  1. Adoro assistir filmes legendados mas não excluo as dublagens. Adoro a profissão e o trabalho desenvolvido aqui no Brasil. Mas é muito triste ver esse tipo de opnião que praticamente ofende as pessoas que preferem as legendas. Dificilmente uma dublagem será bastante fiél ao material original...

    ResponderExcluir
  2. esse comentario desse dublador foi a coisa mais incrivel que li nos ultimos tempos. Primeiro o filme ja vem com uma tradução totalmente nada a ver pro Brasil, depois dublam com frase que mudam muito o sentido das coisas, terceiro admitem que pegam leve nos palavrões e coisas pesadas. Meu deus, só nao prefere legenda quem nao sabe ler ou nao tem paciencia, nunca perdi nada de nenhum filme pq tenho que ler a legenda...aff

    ResponderExcluir
  3. eu so totalmente contra a dublagem pq com a dublagem alem de perde a qualidade do som, vc n consegue sabe se o ator atuo bem..
    um exemplo seria ve batman dark knight dublado
    n daria pra nota aquela grande atuaçao q o heather teve

    ResponderExcluir
  4. Sou contra dublagem também, só assisto coisa legendada, SOMENTE. Depois dessa então... e a dublagem do Brasil é uma das melhores que existem ainda.(?)

    ResponderExcluir
  5. Ele foi, no mínimo, infeliz nessa declaração.

    Se quem gosta do áudio original e de legendas é pseudo-intelectual, ele com essa frase: "Eu fico pensando numa senhorinha que está na frente da televisão e de repente se depara com uma coisa dessas." é um falso moralista...onde já se viu isso cara? Quer dizer que as pessoas vão se escandalizar em ouvir um "seu filho da puta"? Meu querido, mais feio que uma "palavra de baixo calão" são nossos escândalos políticos, e quando noticiam isso pra gente nos nossos "Super Jornais", a "senhorinha" não se sente assim, até pq até ela já deve ter chamando um político de "filho da puta".
    Sem falar que é INCOMPARÁVEL ouvir e sentir a emoção na voz de um grande ator como Al Pacino, do qual sou fã. Eu nunca trocaria isso pela voz de outra pessoa...

    Eu vejo a declaração do intelectual - espera que vou ver aqui o nome dele no post - Manoel Garcia Jr. como falso moralismo.

    Legendem-se!

    Valew

    ResponderExcluir
  6. A dublagem é um trabalho difícil, sem dúvida, respeito a profissão e quem gosta de filmes dublados. E é em respeito a essas pessoas que a dublagem não pode acabar, CLARO!

    O que não pode existir é campanha de nenhum dos dois lados pra que um deixe de existir.
    É fato que uma dublagem nunca chegará perto do original, até pq não é a mesma pessoa falando, óbvio. A clássica frase "ser o mais fiel possível" prova isso.

    Então quem gosta do original, que inegavelmente é o melhor, não pode ser criticado.

    Isso foi irritante...kkkkkkk...

    Como dizemos aqui na minha terra: agora eu peguei corda!!

    valew

    ResponderExcluir
  7. Os dubladores, infelizmente, defendem seu trabalho de forma equivocada. Eles deveriam empunhar a bandeira da liberdade de escolha. Este é o caminho. Não há melhor ou pior. Existem preferências. Há os que preferem dublado, há os que preferem legendado. Independentemente do grau de instrução, da retaguarda cultural etc. Acho que cinemas e TV podem exibir as duas formas, sem imposição.

    ResponderExcluir
  8. Não tenho nada contra quem assiste filme dublado ou contra os dubladores. Acho que é exatamente isso que vocês vem falando: Liberdade de escolha. Eu, particularmente, não suporto filme dublado. A dublagem além de ser extremamente incomoda (sei lá por melhor que seja, a imagem e o som sempre parecem desconexos), retira parte da atuação do filme. A impressão que eu tenho e de estar vendo o filme/série pela metade.

    Então eu acho que deve-se pensar bem antes de afirmar que quem gosta de legendas é pseudo-intelectual. Dizer que num filme com 007 ler as legendas impede a pessoa de prestar atenção nas cenas de ação do filme é uma conclusão no mínimo precipitada. Tem muita gente que le a legenda e ve a cena sem problema nenhum (nem é tãaaao complicado assim). Tem gente que (como eu)enetende inglês e por isso nem lê a legenda.

    Assim, vamos parar de ficar acusando uns aos outros e tentar ver quem está certo (não que alguém aqui, além do dublador em questão, estivesse fazendo isso) e deixar que cada um escolha se quer assistir dublado ou legegendado. E viva ao audio alternativo!! (bem que outros canais além da HBO podiam liberar legenda alternativa tbm neh?)

    ResponderExcluir
  9. Ums dos comentarios mais idiotas que ja li na vida, o cara so falou besteira. Todas as pessoas que eu conheço que so assitem filmes dublados, sao pessoal sem culturas nenhumas, nao sabem nada sobre cinema e tem preguiça de ler. E esse negocio de perder a cena enquanto ta lendo a legenda é coisa de burro! Pq pra um cara nao consigui ler a legenda ao mesmo tempo que assiti a cena pode se matar!

    ResponderExcluir
  10. nem toda dublagem é péssima

    eu até gostava dos dubladores de Lost na 1ª temp...

    e até a dublagem de dexter

    mas vai de costume

    agora q eu assisto os episódios semanais liberados na net....ñ tem pq eu assisti coisa dublada

    xd

    ResponderExcluir
  11. Na boa, eh rir pra não chorar disso.
    Quem ker ver dublado e achar lindo e maravilhoso, ótimo. Eu não acho. Não só por saber inglês e usar a legenda como um 'apoio', mas também filmes em francês ou qq outra língua q eu não fale. Gosto eh do original, do filme como ele eh.

    Se não bastasse ateh canal a cabo agora com programação dublada, uma 'sessão legendada' nem chega a ter em canal aberto... isso eh incentivo a burrice! ¬¬

    ResponderExcluir
  12. Gabizinha Vidal Santos -SP6 de novembro de 2008 19:10

    Tipo eu prefiro mil vezes assisitr filmes legendados... mas acho q os dublados tb são importantesm não só pras pessoas q não gostam de legendas , mas p pessoas q infelizmente principalmente aki no Brasil são analfabetas...
    Mas enfim oq esse cara falou não tem nada a vê.. sei lá ele viajou ahuahuhua pseudo-intelectuais?

    ResponderExcluir
  13. A dublagem é importante não só para quem não gosta de legendas, mas, muitas vezes, o filme dublado é o primeiro contato que a pessoa tem com o cinema. veja-se a excelente dublagem de ...E O VENTO LEVOU, com o saudoso Marcos Miranda. Quem esquece? Ou mesmo o igualmente saudoso Newton da Matta dando voz e melhorando a atuação de Bruce Willis. Pergunte se os estadunidenses assistem a filmes em outras línguas legendados.
    Viva a fantástica dublagem brasileira.
    E viva a liberdade de escolha!!!

    Sílvio Bechara

    ResponderExcluir
  14. Sílvio, é inegável que a dublagem tem um papel importante nesse cenário, mas o que apontei aqui foi a declaração infeliz deste dublador que para 'defender' seu ponto de vista contraditório ataca quem não gosta de dublagem, uma opção que tem tanto peso quanto a de quem gosta.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  15. Entendi, Davi. O Garcia Jr. é mesmo uma figura contraditória. Excelente dublador, ele praticamente abandonou a dublegem para ocupar um alto cargo na Disney. Os colegas têm muitas queixas em relação a ele, especialmente no tocante ao pagamento dos seus direitos.
    As generalizações é que destroem qualquer diálogo, e o Garcia Jr., em que pese ser um grande profissional, foi infeliz nesse aspecto.
    Abraço.

    ResponderExcluir

Fale conosco! também pelo e-mail mandando sua sugestão ou crítica.

Comentários ofensivos ou que não tenham relação com o post serão recusados.